Que o governo Bolsonaro tem feito só lambança na administração pública, não é novidade. Ministro do meio ambiente respondendo crime ambiental e que sequer sabe quem foi Chico Mendes, pastora evangélica desequilibrada nos Direitos Humanos, isso sem contar as denúncias de laranjas (Queiroz, filha do Queiroz, Val e por aí vai), envolvimento com milícias e os filhos que dão mais trabalho e constrangimento ao pai do que a própria oposição.

Pois bem. Um dos ilustres indicados pelo presidente que prometia ministros técnicos e capacitados é Ricardo Vélez Rodrigues, ministro da educação.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Nos últimos três meses, fora errar o português em discursos (sim, ele é o ministro da educação!), seu grande feito até agora foi pedir a crianças das escolas públicas pra que repetissem slogan do governo e fossem filmadas nas escolas.

Agora, acaba de viralizar na Internet um vídeo da jovem deputada pelo PDT, Tabata Amaral, que tem apenas 25 anos e fez alguns questionamentos ao ministro da educação na última quarta-feira (29). Ela criticou a falta de capacidade e de projetos do ministro para uma área tão fundamental quanto a da educação.

VEJA TAMBÉM:  Surpreendente! Em vídeo, garota defende colega de homofobia na escola; assista

“Já se passaram três meses e em um trimestre não é possível que o senhor apresente um Power Point com dois, três desejos para cada área da Educação. Onde estão os projetos? As metas? Quem são os responsáveis? Isso não é um projeto estratégico. Isso é uma lista de desejos. Eu quero saber onde eu encontro esses projetos? Quando cada um começa a ser implementado? Quando serão entregues? Quais são os resultados esperados? São três meses e a gente consegue fazer mais do que isso.”

E continuou: “Saio dessa reunião extremamente decepcionada e sentindo que a sua incapacidade de apresentar uma proposta de saber dados básicos e fundamentais é um desrespeito, não só à educação, não só ao ministério, não só ao parlamento, mas ao Brasil como um todo”, afirma

A deputada também questionou o aparelhamento ideológico do ministério na gestão de Ricardo Vélez. “Outra pergunta é sobre o aparelhamento ideológico do ministério. Eu não vou ficar discutindo fumaça. Não vou ficar falando que sou contra o ‘Escola sem Partido’. Eu sou contra, mas não acho que é isso o que importa. A gente precisa de profissionais preparados”, defendeu.

VEJA TAMBÉM:  Professor que se negou a tratar aluno trans no masculino é demitido da escola

Como se não pudesse ficar pior, o ministro simplesmente não soube respondê-la e sequer conseguiu olhar a deputada no olho. Confira no vídeo abaixo:

Conforme informou o UOL, Tabata é nova na política brasileira. Filha de um cobrador de ônibus e de uma bordadeira e diarista, ela deixou a periferia de São Paulo para cursar astrofísica e ciência política na Universidade de Harvard, uma das mais prestigiadas do mundo. De volta ao Brasil, ajudou a fundar os movimentos “Acredito”, que prega renovação nas práticas políticas, e “Mapa Educação”, voltado para a melhoria da educação. No ano passado decidiu disputar, com sucesso, sua primeira eleição.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).