O apresentador Michael Rapaport postou prints, neste terça (30) de uma conversa entre ele e Kevin Durant, estrela da NBA pelo time do Brooklyn Nets. Na ocasião, o atleta usou linguagem homofóbica, misógina e racista contra o ator que simplesmente expôs tudo em suas redes e lembrou que não é a primeira polêmica que o atleta se envolve.

As mensagens foram trocadas no ano passado e mostram que Durant estava aparentemente irritado com coisas que Rapaport disse sobre ele nas redes. Durant pareceu confirmar que as DMs são legítimos em um tweet e se desculpou nos comentários do post que dizia:

“Eu recebo ameaças e mensagens nojentas DIARIAMENTE, mas nunca em meus sonhos mais selvagens eu pensei que Kevin Durant estaria entre eles. O próprio agora está me ameaçando, trazendo até minha esposa para a discussão e procurando briga. Mas ele deveria ser o queridinho da América, certo?

 

Kevid Durant diz (sobre uma entrevista): “eu dei a entrevista, seu viadinho, diga ao seu chefe que ele aprenda a fazer o trabalho dele. Seu merda, vem me encontrar que eu quero sua cara, seu chupador de rola. Tudo o que você faz é chupar rola e Trump não te deu atenção e por isso você quer usar as pessoas para ganhar likes”.

Kevin Durant tem histórico de homofobia

As mensagens podem chamar a atenção da NBA, já que a liga já multou e / ou suspendeu jogadores, incluindo Kobe Bryant e Rajon Rondo, por usar calúnias anti-gays nas quadras. O tweet de Durant afirma que ele e Rapaport têm uma relação complicada e que ofensas foram trocadas iguais, mas as imagens fornecidas pelo ator não mostravam muitos de seus próprios comentários.

Segundo o Report Logo, a presença de Kevin Durant nas redes sociais tem sido objeto de atenção desde que ele foi flagrado usando contas do Twitter para se defender em 2017 contra acusações de homofobia e misoginia.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!