James Vasey, morador da cidade de Redcar em North Yorkshire na Inglaterra, foi condenado a 32 meses de prisão por ameaçar um idoso e mais outro homem que conheceu no Grindr, de acordo com o Gazette Live. O jovem de 24 anos confessou que os dois homens lhe deram dinheiro para manter sua sexualidade em segredo.

O juiz Jonathan Carroll disse que as ações de Vacey foram uma “ofensa cruel”. O juiz acrescentou que as pessoas que optaram por não revelar a sua sexualidade “têm direito à dignidade e ao respeito pelas escolhas que fizeram” e que Vasey “usou isso contra eles”: “Você usou isso como uma arma contra eles e o que fez foi pouco mais do que uma tortura psicológica”, disse Carroll.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O Tribunal da Coroa de Teesside ouviu uma vítima, que é um idoso aposentado referido no tribunal como vítima A, que pagou ao jovem £ 9.950, enquanto o outro homem deu ao jovem mais £ 120. O promotor Jon Harley disse que a vítima A começou a falar com Vasey no Grindr antes de trocar números. Harley explicou que a dupla se encontrou e voltou para a casa da vítima para o que a vítima descreveu como “uma noite só”.

VEJA TAMBÉM:  Gays negros e orientais têm 5 vezes mais chances de sofrer preconceito, revela estudo

Ele disse que a vítima inicialmente concordou em dar ao criminoso algum dinheiro para ajudá-lo. De acordo com o promotor, Vasey contatou a vítima A antes do Natal pedindo mais dinheiro, mas a vítima disse que não poderia ajudar. Ele disse que Vasey mandou uma mensagem para a vítima no dia de Natal, dizendo: “Acho que é hora de as pessoas descobrirem como você é”.

Vasey disse que a vítima teria que pagar a ele “pelo menos £ 100, ou ele falaria com sua família”. O Gazette Live relatou que a vítima disse que daria 150 libras ao homem se ele nunca mais tivesse notícias de Vasey e que ele deu o dinheiro a Vasey, mas o mesmo contatou a vítima A novamente dizendo que estava “infeliz” com a forma como foi falado.

O jovem continuou pressionando o idoso por mais dinheiro até que a vítima finalmente fez um empréstimo e transferiu-lhe £ 8.000 – elevando o valor total pago a Vasey para £ 9.950. O juiz relata que depois que o jovem exigiu mais £ 10.000, a vítima decidiu chamar a polícia. Vasey foi preso em 12 de janeiro de 2020 e a polícia apreendeu seu telefone celular.

VEJA TAMBÉM:  CUIDADO: falha de segurança do Grindr dá aos hackers brecha para roubar contas

Idoso não foi a única vítima de jovem criminoso

Os policiais descobriram que o criminoso também estava chantageando outro homem ao mesmo tempo em que recebia dinheiro da vítima A. O jovem encontrou o segundo homem, conhecido como vítima B, no Grindr também. Ele disse que se encontraram e que a vítima B pagou £ 120.

Nigel Soppitt, que estava defendendo Vasey, disse que seu cliente é um homem assumidamente gay. Ele o descreveu como uma pessoa “imatura” que “simplesmente não pensava nada sobre o que estava fazendo com o idoso naquele momento específico”. “O próprio jovem parece ser um homem sem qualquer malícia no curto período de tempo em que o conheci”, disse Soppitt.