O Ministério da Família, da Mulher e dos Direitos Humanos, comandado pela ministra Damares Alves, do governo Bolsonaro, revelou sua próxima empreitada pra desperdiçar dinheiro público: a realização de campanhas que visam convencer adolescentes a não transarem.

Damares jura que que o intuito seria diminuir a propagação de ISTs e evitar gravidez adolescente. Oras, desta forma, o Brasil estaria indo na contramão de países desenvolvidos, onde já se provou que é justamente a educação sexual e conscientização destes assuntos que evita e previne estes males.

Será que Damares consegue citar um único exemplo de país desenvolvido onde a tática de abstinência sexual deu certo com adolescentes e seus hormônios à flor da pele?

Segundo noticiado pela revista Época, as peças inspiradas em campanhas evangélicas como “Eu escolhi Esperar”, seriam veiculadas já em fevereiro, para aproveitar a Semana Nacional de Prevenção da Gravidez na Adolescência. Na realidade o que se propõe é absurdo em um Estado Laico, em uma tentativa de se catequizar a população, ao invés de informar. Além de simplesmente não dar certo dizer pra jovens simplesmente “não transarem”.

Como já afirmou o jornal El Pais, em seu ministério, a Ministra Damares mente em nome da ciência e sem qualquer estudo para encobrir a própria fé: confunde o rebanho do templo evangélico com o povo de uma democracia. Sua decisão seria estapafúrdia, se não fosse política pública de Estado. 

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

E se a política realmente for aplicada e tiver efeito, pode-se esperar para os próximos anos no Brasil um aumento alarmante de infecções sexualmente transmissíveis entre jovens, além do crescimento de casos de gravidez adolescente.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).