VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Um modelo australiano estrela da plataforma OnlyFans, de apenas 20 anos, foi preso por suspeita de fazer parte de uma rede online de abuso infantil.

O trabalhador de TI Alec McGeary foi descrito como “conhecido” na cena LGBT + de Sydney, tendo se mudado para a Tasmânia no início do ano passado e se tornou famoso por sua conta no OnlyFans, onde compartilhava suas nudes com seguidores que pagassem mensalidade pra isso, como funciona no Onlyfans.

Ainda segundo informações do portal Pink News, McGeary foi preso em sua casa em Botany, Sydney, na última quarta-feira, 20 de maio, em uma operação da Polícia Federal Australiana (AFP).

O rapaz foi acusado de possuir material de abuso infantil que detinha e também compartilhava. A equipe de Operações de Proteção à Criança da Nova Gales do Sul da AFP, o Esquadrão de Abuso de Crianças e Crimes Sexuais da Força Policial de Nova Gales do Sul e o Centro Australiano de Combate à Exploração Infantil revistaram sua casa e apreenderam seus eletrônicos para obter provas. Segundo a investigação, onze vídeos foram encontrados nos dispositivos.

Em tempos de quarentena, McGeary foi preso durante a noite e compareceu ao tribunal por um link de vídeo no dia seguinte.

Ele tem poucos laços em Nova Gales do Sul e, embora tenha recebido uma fiança condicional, o magistrado Philip Stewart disse que a mãe de McGeary deve pagar uma fiança de US $ 2.000 (1.077 libras) para garantir que ele não saia do estado.

Stewart disse que havia preocupações “significativas” em liberá-lo sob fiança, e parte de suas condições de fiança incluem ser proibido de usar a internet.

O juiz acrescentou que as provas contra a estrela OnlyFans são convincentes, além das evidências e admissões do réu. A investigação sobre a rede de compartilhamento de materiais de abuso infantil da qual ele fazia parte começou em fevereiro de 2020, depois que as autoridades australianas foram avisadas pelo Centro Nacional de Crianças Desaparecidas e Exploradas dos Estados Unidos (NCMEC).

Desde então, houve várias acusações contra os australianos envolvidos na rede. McGeary deve retornar ao tribunal em 22 de julho.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).