O atleta americano que foi destaque da patinação nas últimas Olimpíadas de Inverno, Adam Rippon, anunciou que vai se aposentar.


Assista também:


Aos 29 anos, o rapaz se tornou um dos grandes destaques em sua categoria. Ele ficou ainda mais famoso pela defesa pública dos direitos LGBT, chegando inclusive a se recusar a cumprimentar, durante uma cerimônia das Olimpíadas de Inverno, o vice-presidente americano Mike Pence, conhecido por suas posturas homofóbicas.

Nas últimas Olimpíadas de Inverno, Adam acabou levando pra casa a medalha de bronze. Atualmente, infelizmente ele acaba de perder a chance de disputar as próximas Olimpíadas ao tentar uma qualificação.

A série Note to Self, da CBS, compartilhou uma carta bastante honesta que Adam escreveu para si mesmo sobre o momento:

“Você está passando por um momento muito difícil agora. Você acabou de perder a qualificação para a equipe olímpica pela segunda vez consecutiva. Você se sente confuso e se sente um fracasso. Pode não fazer sentido agora, mas este é realmente um dos momentos mais importantes da sua vida ”, escreveu ele.

E continuou: “Tome um momento e tenha orgulho de si mesmo. Você trabalha muito, mas é ainda mais duro consigo mesmo. Agora, ouça, essa parte é importante: levante-se, caminhe até um espelho, olhe diretamente nos olhos e diga a si mesmo: você é um vencedor. Você não verá um olhando para você ainda, mas faça isso todos os dias e você realmente começará a aprender o que é ser um vencedor. Ser um vencedor é um estado de espírito.”

Ele ainda finaliza seu depoimento lembrando de seu esforço para ajudar pessoas (LGBT principalmente) a se aceitarem:

“Você é um homem agora. Você se desafiou e assumiu riscos. Você faz as pessoas ao seu redor rir e ajudá-las a gostarem de quem elas são. Você se tornou o modelo que você gostaria de ter quando criança. Você vai olhar no espelho e você verá alguém que você gosta. Você vai olhar no espelho e finalmente ver um vencedor olhando para você. Agora saia e conquiste o mundo.”

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).