A polícia francesa encerrou uma orgia com pelo menos 81 participantes em um armazém nos arredores de Paris por violar as restrições impostas pelo coronavírus.

Segundo o tablóide The Independent, a polícia foi chamada para Collegein – que fica a cerca de 20 milhas fora de Paris – depois que moradores denunciaram a suspeita de que uma festa com aglomeração estava acontecendo no armazém na sexta-feira (29 de janeiro).

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Os policiais chegaram ao local por volta das 21h e encontraram 11 pessoas no estacionamento, que foram multadas em 135 euros por violar o toque de recolher do coronavírus na França, que restringe o movimento das 18h às 6h.

Às 23 horas, os policiais receberam permissão legal para entrar no armazém onde flagraram um grande número de pessoas em uma orgia. A polícia também confiscou sistemas de som, instalação de luz e álcool na operação.

VEJA TAMBÉM:  Coronavírus: com curadoria de Lady Gaga, OMS organiza shows virtuais para arrecadar fundos

Um total de 81 pessoas foram multadas por violar o toque de recolher, e três pessoas que supostamente organizaram a festa foram levadas para interrogatório.

Um investigador disse ao The Independent: “O evento violou o toque de recolher e também houve problemas com máscaras e distanciamento social. Os envolvidos cooperaram com a polícia e não houve resistência”.

Polícia francesa flagra e multa integrantes de orgia envolvendo 81 em plena pandemia do coronavírus. (Foto: Reprodução / Euronews)
Polícia francesa flagra e multa integrantes de orgia envolvendo 81 em plena pandemia do coronavírus. (Foto: Reprodução / Euronews)

Este é apenas o mais recente acontecido do tipo em uma série de orgias europeias a violar as regras do COVID nos últimos meses.

Em dezembro, a polícia belga interrompeu uma orgia de 52 pessoas em uma casa perto de uma clínica COVID. Mais tarde, soube-se que o eurodeputado húngaro de extrema direita Jozsef Szájer foi pego participando da “festa de bloqueio” – uma “orgia” envolvendo 25 homens nus e vários diplomatas. Após o vexame de ser pego em aglomeração em plena pandemia, ele renunciou ao cargo.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).