O fim de semana de Páscoa no Reino Unido tem sempre muitas festas especiais em clubes gays. Devido a pandemia do COVID-19 , isso não foi possível este ano. Todo o Reino Unido continua sob o bloqueio que está programado para continuar até o início de maio.

Diante da perspectiva de mais um fim de semana em um ambiente fechado, cinco colegas de quarto que moram em Islington, no norte de Londres, decidiram se animar recriando uma noite em um de seus locais LGBTQ favoritos, o superclub de Londres, a boate G.A.Y.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

As filmagens da brincadeira se viralizaram no Twitter, especialmente pelos detalhes: desde o cara que distribui folhetos promocionais na rua, o segurança exigindo ver a identidade na porta e verificar se alguém está embriagado, até o atendente de banheiro com sua variedade de colônias.

VEJA TAMBÉM:  “Deixe a Luz Acesa”: filme LGBT+ fica disponível em streaming

Andrew disse ao Queerty que ele e seus quatro colegas de quarto estão lidando bem com a ordem de isolamento. Para passar o tempo, estão “gastando muito tempo socializando, jogando, jantando juntos e fazendo coisas tolas como no vídeo. Todos temos nossos dias ruins, mas todos estamos nos apoiando como uma pequena família”.

“O vídeo era apenas um pouco divertido”, continuou Andrew. “Decidimos fazer uma ‘noite de boate’ para nos animar e eu apenas tive a ideia de fazer uma paródia do que as pessoas normalmente vivem em uma noite de festa. Estou muito feliz por ter recebido uma recepção tão positiva e ter animado as pessoas durante esses tempos difíceis”, relatou.

VEJA TAMBÉM:  Dua Lipa responde quais são seus artistas LGBTQ+ favoritos

Embora lide com o isolamento social e aprecie sua necessidade, Andrew diz que está preocupado com o impacto que está causando na cena gay comercial. “A cena noturna LGBT de Londres já estava lutando antes do bloqueio, com aluguéis crescentes e o fechamento de muitos locais. Eu me preocupo com o fato de que muitos outros possam ser obrigados a fechar. Agora eu sei que os donos de clubes, incluindo o GAY, foram submetidos a situações extremamente difíceis tentando proteger os funcionários, mas ainda enfrentando grandes contas fiscais e custos de aluguel.”

“Espero que as medidas do governo consigam manter essas empresas funcionando por enquanto, mas é importante começar a pensar em como a vida noturna de Londres pode ser protegida e sustentada quando tivermos passado por tudo isso”, analisou.

VEJA TAMBÉM:  Você DEVE cumprir a quarentena, mas ninguém pode te prender se não cumprir | Direitos LGBT