O ator pornô gay Blake Mitchell fez um vídeo bastante honesto em seu canal do Youtube abrindo o coração sobre as dificuldades de ser um ator pornô gay e conseguir manter um relacionamento.

“O primeiro desafio é achar alguém que se interesse de fato por mim… não só pela minha fama. Já me interessei por pessoas que começavam a me pedir pra postar foto junto, promover…”, contou ele no vídeo chamado “Estou Sozinho :(“.

O ator também falou das dificuldades que vem quando você é uma pessoa pública com uma profissão dessas.

“Pessoas chegam me abordando sem respeito porque trabalho com sexo. Acham que tem intimidade e tudo é aceitável. Me deixam desconfortável. Se estou com alguém então, fica muito constrangedor”, confessou.

Blake também falou que a agenda de gravação é um desafio pra se conciliar com um namoro estável: ”Encontrar alguém enquanto você estava gravando sexo o dia todo com outro vira um relacionamento aberto de uma via só, não é justo para a pessoa e nem todo mundo topa.”

Ainda assim, ele afirma que continuará na área profissional que ele ama: “Minha carreira não é algo do qual quero desistir. Sou muito apaixonado pelo meu trabalho e sinto que sou bom no que faço”.

Veja o vídeo na íntegra:

Veja também:

Fãs nos comentários foram bastante compreensivos com o ator. Um inclusive afirmou: “Demorou 31 anos da minha vida pra eu achar meu parceiro… Não desista!”.

“Lembre-se que há uma diferença entre estar sozinho e sentir solidão. Você tem amigos, família e muita gente que te ama, você não é solitário!”, afirmou um outro fna consolando o ator.

E você, namoraria um ator pornô? Comenta aqui embaixo!

Assista também:

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).