Na última terça-feira (6), o presidente eleito Jair Bolsonaro pareceu pouco se importar com a presença de corruptos em seu governo ao aformar que o senador Magno Malta (PR-ES) pode fazer parte de sua equipe de governo.


Assista também:


Pra quem não sabe, Magno Malta foi indiciado pela Polícia Federal por envolvimento no escândalo dos sanguesssugas por esquema de venda superfaturada de ambulâncias para prefeituras e suspeita de outros crimes de corrupção.

Ainda segundo noticiado pela Folha de São Paulo, no governo, Magno Malta comandaria o novo ministério criado por Bolsonaro: o Ministério da Família, que pouco se sabe qual será a função ou qual a necessidade de inchar ainda mais a máquina pública criando mais um ministério.

Ao falar sobre a iniciativa, o presidente eleito afirmou sobre o Ministério da Família: “E família pra mim é só aquela que está prevista no artigo 226, parágrafo terceiro da Constituição”.

Pra quem não sabe, no artigo 226 da Constituição, que data da década de 80, à família ainda se refere apenas a união entre homem e mulher, o que exclui casais homoafetivos.

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).