Viralizou na Internet, um post no Twitter onde um casal de gays passivos foi questionado por um internauta sobre “como viviam sua relação” sendo que ambos tem a mesma preferência na cama.

“Casal de passivos procurando ativo safado”, dizia o post original com uma imagem dos rapazes procurando um terceiro, provavelmente pra apimentar uma noite deles. Logo abaixo uma pessoa perguntou: “Ué? Como fazem nos outros dias?”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O casal então explicou sem hesitar: “Vivemos, ué. A vida não é só sexo. Eu cuido dele, ele cuida de mim e assim vivemos e quando queremos sexo chamamos um ativo. Simples assim”.

O casal de gays passivos continuou contando sua história, revelando que não houve sexo no primeiro encontro, o que PRA ELES (vale lembrar!), significava que ambos buscavam por um relacionamento estável: “Então, a gente se conheceu. Como a intenção era namoro (então não teve sexo de começo), nos apaixonamos.”

Como não houve sexo logo de cara, foi depois da paixão a primeira vista que ambos descobriram que a preferência de cada um, entre ativo ou passivo, era exatamente a mesma: “Aí descobrimos que éramos ambos passivos kkk, mas decidimos que não íamos terminar por causa disso. Então estamos juntos todo esse tempo e nos damos muito bem”.

VEJA TAMBÉM:  Já se sentiu depressão pós-sexo? Especialistas dizem que o motivo pode ser este…

Em um dos posts que viralizou com prints do diálogo no Twitter, internautas discutiram a situação: “Imagina quando eles descobrirem que dá sim pra fazer sexo sem penetração?”, lembrou o usuário @lewisppxp. “Organizadas!” e “Achei tudo!”, comentaram outros.

“Às vezes pensamos que sexo é tudo, mas se há sentimento no meio, não vejo como algo a ser necessário. Tem tantas formas de suprir uns aos outros”, disse @sorrybaby0.

Um outro também lembrou a opção de se fazer sexo sem necessariamente um ter que penetrar o outro, prática chamada gouinage: “E o dia que não tiver o ativo eles podem fazer gouinage hahaha há tantas maneiras de sentir prazer”.

Gouinage: casais não precisam necessariamente serem formados por ativos e passivos. (Foto: Reprodução)
Gouinage: casais não precisam necessariamente serem formados por ativos e passivos. (Foto: Reprodução)

E tão certos, né? A única regra pra qualquer relacionamento, seja na cama ou fora dela, deveria ser se perguntar: Estou feliz? Estou satisfeito? Se pra ambos a resposta é sim, vivam a vida conforme acharem melhor!

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).