Neste sábado, dia 13 de março, às 17h, o Bloco Exagerado apresenta a LIVEXAGERADO CONVIDA, um evento virtual inédito onde o bloco que canta canções de Cazuza em ritmo de carnaval recebe Simone Mazzer, Janamô e Romero Ferro. Para assistir, basta acessar seu canal oficial: www.youtube.com/blocoexageradooficial.

Os artistas farão um “feat” com canções de Cazuza em novos arranjos assinados por Felipe Bruno (mestre de bateria do Bloco) e Guto Goffi, parceiro do poeta do rock no Barão Vermelho e produtor musical do projeto. Na apresentação, serão lançadas oficialmente as versões de “Burguesia”, “Ideologia” e “O tempo não para”, que estarão posteriormente nas plataformas digitais de música.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O projeto apresenta um repertório com mais 20 canções do poeta. Apostando na diversidade de ritmos que os convidados e o bloco carregam, a união de seus talentos, vozes, estilos, redes e localidades cocriam novas versões de grandes canções de Cazuza, criando um elo entre o passado, o presente e o futuro.

VEJA TAMBÉM:  7 artistas sertanejos LGBTs pra sentar o dedo no streaming!
Romero Ferro estará na "LiveExagerado Convida". (Foto: Fernando Valle)
Romero Ferro estará na “LiveExagerado Convida”. (Foto: Fernando Valle)

Artista carioca que usa a força da ancestralidade nos seus trabalhos, Janamô acredita que a arte de Cazuza é imortal. “Trinta anos depois de sua partida, ele segue atual. Uma honra cantar a obra desse gênio subversivo, ainda mais em um bloco de carnaval. A folia encontra morada na obra do poeta, colocando o povo para mexer a bunda e a mente ao mesmo tempo, sem que percebam – a reflexão está ali! Cazuza é denúncia e rebeldia, e carnaval é uma revolução que começa no quadril. Perfeita a junção para os tempos que atravessamos!”, celebra.

“Ter a possibilidade de entrar num estúdio durante uma pandemia, onde estamos privados de exercer plenamente o nosso ofício, me deixa muito contente! O projeto ocupa este lugar pra mim, o de voltar – pelo menos um pouquinho – para aquele espaço quentinho de fazer o que a gente escolheu na vida”, avalia Simone Mazzer. “Cazuza está presente em mim na sua forma elegante de debochar de um sistema apodrecido”, complementa a cantora.

VEJA TAMBÉM:  7 artistas sertanejos LGBTs pra sentar o dedo no streaming!

O cantor Romero Ferro, por sua vez, relata que sempre foi muito fã de Cazuza: “Passei um tempo fazendo um show de tributo a ele, e foi um período onde pude realmente mergulhar na sua vida e obra! Sou pernambucano, e estar no Rio de Janeiro fazendo um projeto com pessoas que estiveram com ele é como um plot twist incrível da vida.”.

“Ele vai ser sempre um artista referencial no meu trabalho e na minha arte. Então, todo este movimento significa um outro movimento profundo aqui dentro, que vai sair ativando lembranças e muitas emoções – revertidas para a música, óbvio!”, finaliza Romero Ferro.

Para sua apresentação, Romero Ferro prepara versões de “Burguesia”, “Ideologia” e “O Tempo não Para”, que também deverão ir para as plataformas de música digitais. Os novos arranjos são assinados por Felipe Bruno (mestre de bateria do Bloco) e Guto Goffi, parceiro do poeta do rock no Barão Vermelho e produtor musical do projeto.

VEJA TAMBÉM:  7 artistas sertanejos LGBTs pra sentar o dedo no streaming!

SERVIÇO:
LiveExagerado Convida
Quando: 13 de março
Horário: 17h
Onde: YouTube do Bloco Exagerado – www.youtube.com/blocoexageradooficial

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).