Fukuoka é a quinta cidade do Japão reconhecer casamento gay

0
15
Publicidade

Embora o Japão ainda não reconheça o casamento homoafetivo em todo seu território, o país acaba de ganhar sua quinta cidade a reconhecer casamento LGBT localmente, dando mais um passo rumo a igualdade de direitos, ainda bastante tímida por lá.

A cidade japonesa de Fukuoka agora também permite a união homoafetiva, se juntando aos municípios de Iga, Takarazuka, Naha e Sapporo que também reconhecem casais do mesmo sexo.

(continua abaixo)


Vídeo novo:



Além destas, as cidades de “Shibuya” e “Setagaya” reconhecem a união entre duas pessoas do mesmo gênero, mas não como casamento. Há possibilidade de se registrar a união na lei sob forma do que eles chamam de “prova de parceria”, que na prática pode funcionar como um casamento legalmente, ainda que não seja um casamento em si na lei a começar pelo nome e classificação diferenciada do casamento tradicional.

Vale lembrar que, ainda que não reconheça casamento gay ou mesmo muitos direitos LGBT, o Japão não tem um grave histórico de crimes contra a população LGBT ou mesmo registro de casos de homofobia e violência. Isso provavelmente porque, apesar de ser um país tido como conservador, é um lugar onde há investimento em educação, né?

Entretanto, o número de pessoas que vivem no armário entre os LGBTs, é a maioria. Há ainda muito presente o medo da vergonha da família, medo de se assumir perante a sociedade devido a vaidade social e necessidade de aprovação pela cultura deles, além do medo do estigma e preconceito a ser sofrido.

Nos resta torcer pra que nossas manas orientais, botem a cara no sol justamente na terra do sol nascente, afim de terem seus direitos cada vez mais reconhecidos.


Veja também:

Deixe um comentário