Espionar celular do parceiro agora é crime pode levar a 1 ano de prisão na Arábia Saudita

0
66

Uma nova lei que entrou em vigor semana passada na Arábia Saudita, estabeleceu como crime o ato de espionar o celular do parceiro sem o consentimento do mesmo. A partir de agora, quem for pego fazendo isso e for denunciado pelo parceiro, pode pegar pena de até 1 ano de prisão e uma multa equivalente a 108 mil euros.

EM TEMPO: Obviamente sendo um país conservador e onde a união homafetiva não é garantida por lei (muito pelo contrário!), a medida contempla apenas casais em relações heterossexuais (mesmo assim a gente vai deixar um casal gay na foto em destaque porque é o site do Põe Na Roda e a gente é casal sim, viu, árabes?).

Segundo autoridades responsáveis pela nova medida, a intenção da lei é que cidadãos tenham sua privacidade protegida e garantida e também possam ter amparo legal caso se sintam violados.

(continua abaixo)

Vídeo novo:



A nova lei, tida como muito moderna, invasiva e até questionável, dividiu opiniões em um país conservador como a Arábia Saudita. Pra se ter ideia, só recentemente que mulheres ganharam o direito de poder dirigir por lá.


Veja também:

Comentários: